A DTM raramente será causada por apenas um fator. Geralmente a união de fatores, aliada a intensidade de cada um e o tempo em que a agressão ocorre, é que dará origem e condições de avanço no quadro da doença.

Entre os principais fatores causadores e agravadores de DTM temos:

  • Mastigar mais de um lado do que do outro;
  • Dormir do mesmo lado forçando lateralmente a mandíbula;
  • Dentes fora de posição;
  • Perda de dentes sem instalação de próteses;
  • Próteses instaladas de modo insatisfatório;
  • Placas flexíveis (de silicone ou matérias semelhantes);
  • Placas instaladas por profissionais sem conhecimento técnico para tal;
  • Mascar chicletes diariamente e por muito tempo;
  • Possuir estalo na abertura e fechamento e manter os mesmos hábitos de alimentação e movimentação da mandíbula;;
  • Ranger os dentes enquanto dorme;
  • Apertar os dentes durante o dia ou durante a noite;
  • Efetuar movimentos agressivos à articulação de modo repetitivo e diário, nestes casos muito relacionados à ocupação do portador de DTM, dentre outros...

Genética – mesmo diante de fortes agressões, existem pessoas cujo organismo possui maior resistência e não desenvolvem a DTM.